Imagem topo da página

Blog

História

Rolo compressor: o que os alemães têm a ver com isso?

A nossa volta ao mundo hoje faz hoje uma parada na Alemanha, na cidade de Creilsheim, em 1927. No auge da crise econômica, os mecânicos alemães tiveram que inovar com poucos recursos. O rolo compressor passa a ganhar mais importância.

As máquinas a vapor feitas por grandes fábricas e montadoras tornaram-se muito caras para um cidadão comum, que vivia um período de medo e instabilidade antes da Segunda Guerra. Logo, máquinas improvisadas, como as que exibimos em miniatura aqui no parque, ficaram bem populares.

A locomóvel, máquina a vapor automotora usada para movimentar cargas pesadas sobre estrada, foi adaptada para virar um rolo compressor. A partir daí, passou a ser comumente utilizada para asfaltar estradas ou até mesmo para compactar o solo.

Imensas, elas chegavam a pesar até 10 toneladas e, por mais difícil que fosse de serem utilizadas, ainda assim serviram seu propósito naqueles tempos difíceis.

Rolo compressor alemão compactando o solo em 1950.

Confira também: A menor fábrica de papel do mundo

Para conferir de perto todas as réplicas do Mundo a Valor, adquira já o seu ingresso clicando no banner abaixo:

CURIOSIDADES SOBRE O ROLO COMPRESSOR:

● Os primeiros rolos compressores a vapor primitivos datam de 1850. Porém, foi apenas em 1866 que a empresa britânica Aveling and Porter conseguiu vender o veículo.

● A locomóvel era muito versátil. Podia ser convertida não só em um rolo compressor, mas também em um trator, por exemplo. Além de servir de motor para os mais diversos tipos de fábricas.

Um rolo compressor precisa ser lento para fazer o trabalho de compactação. O modelo exibido aqui não passava dos 6 km/h.

 ● A inflação na Alemanha em 1923 chegou a 29.000% ao mês. Até o pão chegava a custar bilhões da moeda alemã. Diante de um cenário tão adverso, muitas máquinas a vapor dessa época foram adaptadas para que fosse possível aproveitar suas peças antigas.

Dinheiro (hiperinflacionado e praticamente sem valor) sendo usado para fazer fogo. Esse era o cenário vivido na crise econômica alemã da década de 20.

Fique por dentro das novidades!

Newsletter